Sexta-feira, 17 de Novembro de 2006

Introdução à Bioética

Mais do que em todas as outras áreas, na ciência é necessário criar instrumentos que regulem os seus limites, uma espécie de mecanismo de auto-censura refreie eventuais atropelos à condição do ser humano. A ciência não pode ser constituída à margem da ética, não pode ser regida pela hipocrisia de cientistas que dizem nada haver de eticamente reprovável na sua actividade, não pode sucumbir a este tipo de animalidade perfeitamente descabida. Devemos também ter em conta que a situação oposta (demasiado determinismo ou controlo ético-moral) é igualmente reprovável.

Assim, indubitavelmente, a bioética constitui um instrumento cada vez mais válido na delimitação das fronteiras do saber, fronteiras essas que caberá ao Homem o bom senso de não ultrapassar.

Para adquirir informação mais detalhada acerca das pricipais problemáticas científicas relacionadas com a bioética, aconselhamos previamente a leitura do nosso site.


Publicado por otriunfodaproveta às 12:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos Favoritos
|

Mais sobre nós

Pesquisar neste blog

 

Novembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Índice

Introdução à Bioética

Arquivos

Novembro 2006

Nº de visitantes:

blogs SAPO

subscrever feeds